Como calcular preço de artesanato ou produto criativo

Quanto cobrar pelo meu artesanato - Preço de artesanato - Valor de artesanato

Você sabe colocar o preço correto em seu artesanato? Esta é uma questão que me deixa muito preocupada com relação a empreendedores criativos.

Por quê? Porque eu me importo com cada empreendedor criativo que passa muito tempo pesquisando e aprimorando sua técnica, produzindo seus produtos e acaba cobrando muito abaixo do valor lucrativo, achando que este é o valor certo, ficando no prejuízo.

Sei que muita gente faz isto com medo de perder encomendas, mas saiba que existe um jeito de cobrar corretamente o preço do seu trabalho artesanal levando em conta tudo isto:

  • Valor percebido: Valor que o cliente pagará;
  • Valor da concorrência;
  • Seus custos;
  • Seu lucro.

Conheça a fórmula ICH: Fórmula de 3 passos para calcular preço de artesanato e outros produtos criativos

> Inscreva-se no canal para aproveitar todas as dicas <<

Clique aqui e conheça o Como Viver de Artesanato

Aplicando a fórmula simples de 3 passos ensinada no vídeo acima você certamente colocará o valor correto em seus produtos, lucrando com seu trabalho criativo!

Preço x valor

Você sabe a diferença entre preço e valor de um produto?

Preço é o que você paga, valor é o que você leva.

Algo fantástico à respeito de produtos criativos (e na verdade sobre qualquer outro produto) é que quanto maior o valor agregado e percebido pelo cliente em potencial, maior é a chance da venda ser feita.

Pra fazer acontecer o sucesso em seu negócio criativo foque em agregar valor em seu produto, seja com uma embalagem criativa, um benefício que mais ninguém dá ou um produto com uma abordagem diferenciada.

Quando o produto é original, o cliente em potencial não tem parâmetros de comparação de valores e acaba percebendo o valor de seu produto exatamente da forma como está sendo pedido.

Busque formas de valorizar seu trabalho, fazendo o que ninguém e faça acontecer o sucesso de seu negócio criativo!

Paty




Comente com seu Facebook:





Deixe uma resposta